19/02/2007

GOTA ENTRE LÁBIOS

Os ventos, teus suspiros
em mim, a ciclones chegam.

Brilho macio, ao longe
cintila como matinal estrela
na sua invisível viagem.

Águas de sal, movem-se
por dentro de corpos,
os nossos, entre si distantes.

Nos separa, Oceano imenso,
nossos corpos.

Mostrando-se,
mais, a invisível estrela
cintila um parecer de sal.

Certeza da visão,
o brilho é gota de água.

Assim Oceano em gota
transformada, entre nossos lábios,
adormecida no beijo molhado...

Nosso...

1 comentário:

Gwendolyn disse...

Oi, meu querido Kim.

Linda a nossa gota d'água. E breve chegará este dia.
Conto com isso amor.

Obrigada.

Gweni